Agências de Tradução ou Clientes Diretos?


Existe uma diferença muito importante no mercado de traduções na internet: os clientes que são clientes diretos e os clientes que são agências de tradução. Essa era uma coisa que não estava clara para mim quando comecei a trabalhar com tradução na internet e gerou bastante confusão na minha cabeça.

Para simplificar as coisas, posso dizer que, de maneira bem geral, existem esses dois tipos de clientes de tradução na internet.

As Agências de Tradução

As agências são empresas que oferecem serviços de tradução. Por algum motivo, elas são mais comumente chamadas de translation agencies e não translation companies.

Essas empresas podem trabalhar com vários tradutores que são funcionários fixos, ou podem ter uma grande lista de fornecedores (tradutores freelancers) que são contatados quando a demanda específica surge. Com a internet e com os sites de freelance jobs, o segundo modelo está se tornando cada vez mais comum.

Na verdade, todas as agências para quais eu prestei serviços de tradução funcionam unicamente com freelancers. Essas, portanto, focam mais na aquisição do cliente do que na tradução em si, o que pode trazer vantagens e desvantagens.

Para o tradutor freelancer, a maior vantagem de ser contratado por uma agência de tradução é poder focar mais no processo de tradução em si, deixando que as agências corram atrás de clientes.

Como correr atrás de novos clientes é um processo que pode gerar dinheiro ou não, o tradutor pode possivelmente ganhar mais dinheiro através das agências, pois passa mais tempo de fato traduzindo.

No entanto, a agência fica com a diferença entre o que o cliente final paga e o que você recebe. Então, muitas agências tentam aumentar essa diferença pagando menos para o tradutor.

Porém, a maior desvantagem de ser contratado por uma agência de tradução é, sem dúvida, a longa cadeia de comunicação entre você – profissional da tradução – e o cliente final.

Caso você tenha alguma dúvida em relação ao conteúdo, essa dúvida pode demorar para ser respondida, já que você entrará em contato com a agência que, por sua vez, entrará em contato com o cliente final. É possível também que uma especificação ou informação seja dada pelo cliente final, e isso pode demorar para chegar até você.

Sabemos que quanto maior é essa cadeia, pior é a comunicação. E muitas agências são notórias justamente por serem péssimas nesse quesito.

Porém, existem agências mais modernas que são conscientes desse problema desde a fundação da empresa e se esforçam para corrigir isso. Portanto, existem sim boas agências de tradução por aí.

Clientes diretos

Os clientes diretos são aqueles que precisam da tradução para a própria empresa onde trabalham ou precisam da tradução por motivos pessoais. Portanto, esses clientes englobam empresas que desenvolvem produtos que precisam ser traduzidos em várias línguas e uma pessoa que deseja traduzir uma monografia, por exemplo.

Os clientes diretos são os queridinhos de muitos tradutores. Você fala diretamente com a fonte que necessita daquela tradução, a comunicação flui, eles pagam mais (já que não tem uma agência fazendo uma intermediação) e desenvolvem os melhores relacionamentos.

Em grande parte, concordo com isso. E pelo o que vejo de tradutores que buscam clientes diretos e não conseguem, percebo que de fato há uma preferência – e, ao mesmo tempo uma dificuldade – de encontrar clientes diretos.

Você não precisa necessariamente escolher só uma porta, translator.

Dicas práticas sobre agências de tradução e clientes diretos:

  • Eu sugiro que você experimente os dois tipos de clientes e tire suas próprias conclusões. Mas também sugiro que você mantenha uma carteira de clientes com os dois tipos para ter clientes diretos com os quais você desenvolve bons relacionamentos profissionais, além de ter uma constante fonte de jobs vindos das agências.
  • Como meu foco é ter clientes a longo prazo, tenho mais clientes diretos. Isso não significa que você não possa fornecer traduções para uma agência por anos e anos (muito pelo contrário). Mas, na minha experiência, tive relacionamentos profissionais mais duradouros lidando com clientes diretos.
  • O interessante de sites como o Upwork é que existem os dois tipos de clientes lá. Eu já fui contratado tanto por clientes diretos quanto por agências através do Upwork. O importante é lembrar que todos os pagamentos dos jobs conseguidos pelo Upwork devem ser feitos pelo Upwork, assim como é estabelecido nos Termos de Uso do site. O descumprimento dessa regra pode acarretar em banimento, então tome cuidado.