Ferramentas de Tradução (CAT Tools)


Existe muita confusão sobre as ferramentas de tradução na internet. Muitos clientes postam jobs nos quais deixam claro que não querem contratar pessoas que utilizam tradução automática. Mas será que as CAT Tools fazem tradução automática?

 

O Google Translate não é uma ferramenta de tradução!

Quer dizer, ela é uma ferramenta que “traduz”, mas não é o que nós, tradutores, chamamos de “ferramentas de tradução”. CAT significa Computer-Assisted Translation, e essa definição serve para programas que auxiliam os tradutores a realizarem seus trabalhos de maneira mais rápida e mantendo a consistência de termos traduzidos.

Imagine que você esteja traduzindo um programa de computador. No começo do projeto, você traduz a palavra speaker como caixa de som. Posteriormente, com 50% da tradução concluída, você se depara com o termo novamente e o traduz como alto-falante. A ferramenta de tradução acusará que o termo já foi traduzido de maneira diferente naquele projeto, já que esta nova tradução pode causar uma inconsistência.

Nesse caso, essa inconsistência não é tão grave, mas em certos projetos isso pode acabar com a coerência da tradução. Então, a ferramenta de tradução pode ser muito útil para evitar isso.

Além disso, uma das maiores vantagens que as ferramentas de tradução fornecem é acelerar o processo de tradução. Ela identifica frases repetidas (ou muito semelhantes) e as traduz “automaticamente”, com a aprovação do tradutor. Isso pode se demonstrar muito útil em traduções de programas de computador que repetem certas frases ou só mudam um termo delas, por exemplo.

As ferramentas de tradução têm como base a Translation Memory (TM). Tudo o que o profissional traduz é armazenado pelo programa que posteriormente “lembra” dessas memórias de tradução. Muitas dessas ferramentas vêm com uma TM já integrada e simplesmente vai aprendendo com as traduções subsequentes dos tradutores.

Portanto, uma boa ferramenta de tradução pode sim acelerar o processo de tradução caso seja usada corretamente pelo profissional. Mas no final, para ser de qualidade, a tradução ainda deve ser aprovada por um tradutor e corrigida por um proofreader humano.

Agora você entende porque existem tantas piadas com gatos nos grupos de tradutores do Facebook!

Devo comprar uma ferramenta de tradução?

Depende. Se você está começando, eu aconselharia a não comprar uma ferramenta de tradução. Eu não comprei no começo e as que mais uso hoje em dia são fornecidas pelos meus clientes.

Na verdade, essa é uma tendência que tenho observado no mercado. Existem ferramentas de tradução que são como sites que oferecem um serviço mensal. Um cliente com grandes projetos de tradução paga esse serviço mensalmente e seus tradutores contratados entram nesses sites e fazem as traduções por lá. Algumas dessas ferramentas inclusive contam as palavras traduzidas durante o mês e já ajuda com a parte administrativa de pagamentos, por exemplo.

Existem tradutores que usam ferramentas de tradução sempre e para todos os jobs, enquanto outros que simplesmente não usam. Eu uso algumas hoje em dia, mas todas são fornecidas por meus clientes. Tento tido boas experiências com as CAT Tools que são online, principalmente para projetos contínuos, tais como programas que recebem atualizações diárias.

Qual é a melhor ferramenta de tradução?

Não sei. Existem várias por aí e posso dizer que, com certeza, eu não testei todas.

As mais famosas são a SDL Trados Studio e a memoQ, mas isso não significa que sejam necessariamente as melhores. Depende de quanto você quer gastar, quais são suas necessidades, além vários outros fatores. E apesar de fazerem essencialmente as mesmas coisas, sempre existirá um tempo de adaptação para ficar realmente proficiente numa ferramenta específica.

Dicas práticas:

  • Sugiro, portanto, não comprar uma ferramenta de tradução (CAT Tool) no início. Acho que é melhor entrar no mercado e analisar quais ferramentas podem ser necessárias para seu trabalho. Caso você comece a pegar jobs e consiga entregá-los com qualidade sem usar ferramentas de tradução, continue assim!
  • Se for para investir dinheiro no início, recomendo que você invista em um curso de tradução, principalmente com profissionais atuantes. Gosto de cursos que, além de ensinarem técnicas de tradução, também ensinam sobre o mercado em si.